Especial Coreia: A Zona Desmilitarizada da Coreia

A Zona Desmilitarizada da Coreia

Bandeiras Coreia do Norte x Coreia do Sul

Zona Desmilitarizada da Coreia é o nome que se da a uma imensa faixa de terra que, literalmente, divide a Coreia do Norte e a Coreia do Sul, esta faixa de terra tem cerca de 250 Km de comprimento e 4 km de espessura, e contem diversas cercas, muros e algumas limitações naturais como rios e montanhas.


Zona Desmilitarizada da Coreia em Grafico
Desenho da Zona Desmilitarizada da Coreia, território aonde nenhuma força armada é permitida por nenhum dos dois lados
Criada após o termino da Segunda Guerra Mundial, a fronteira dividia a península Coreana em duas baseadas nas zonas de influencia das duas grandes potencias que haviam polarizado o mundo após a Guerra, ficando a Coreia do Norte sob influencia Soviética e a Coreia do Sul sob tutela Norte Americana até que em 1948 nasceram oficialmente os estados da Coreia do Norte (Cuja capital é Pyongyang) e Coreia do Sul (Capital é Seul), cada qual com seu sistema administrativo independente, porém  ainda sob forte tutela das potencias a época.

Muro divisor da Coreia do Norte e Coreia do Sul
Repare que por motivos de controle de território, o lado da Coreia do Norte (A Esquerda) teve suas arvores retiradas.

Quando a Guerra da Coreia eclodiu em 1950 com a invasão da Coreia do Sul pela Coreia do Norte os limites preestabelecidos forma completamente ignorados, tendo os primeiros momentos do conflito beneficiado militarmente a Coreia do Norte, cujas forças militares eram em muito superiores as do Sul tanto em equipamentos quanto em treinamento. Com apoio direto das forças armadas Norte Americanas os territórios perdidos no conflito foram retomados, e em 1953 a fronteira original foi usada como base para a criação da Zona Desmilitarizada.




Dentro do tratado assinado por Pyongyang e Seul, ambas as nações se comprometeriam a manter suas forças armadas afastadas 2 km de uma linha imaginária criada com base nas fronteiras preestabelecidas em 1948, criando então o vácuo de 4 km respeitado até hoje.

Inúmeros casos de conflitos já foram reportados entre soldados estacionados nas fronteiras, estima-se que um número entre 700 a 1.000 soldados de ambos os lados já tenham morrido entre 1953 a 1999 por conflitos localizados e não oficiais entre as forças militares apenas (Não estamos falando de refugiados, e sim de militares), prisioneiros também são constantemente feitos pelos Norte Coreanos, principalmente de alegados espiões Sul Coreanos e outros considerados "subversivos" que contrabandeiam materiais proibidos para o Norte por exemplo, estes acabam por ser trocados com o estado do Sul por itens de necessidade do governo do Norte como aparatos tecnológicos, comida, combustíveis ou mesmo dinheiro vivo (prática proibida recentemente devido aos últimos embargos).
Outra curiosidade é que os países contam com dois pontos de ligação entre eles, um deles é uma linha férrea operada pela estatal Sul Coreana que tem como principal função levar funcionários Norte Coreanos para o sul a fim de trabalhar nas fabricas do vizinho do Sul o outro ponto de junção é a famosa e Areá de Segurança Conjunta.
"Outra função da linha férrea é servir de “desculpa” para afirmar existir interesse dos dois países em uma futura união"

A Areá de Segurança Conjunta (Joint Security Area - JSA)

Joint Security Area ou Area de Segurança Conjunta na fronteira das Coreias
O prédio é localizado na Coreia do Norte, a fronteira é exatamente na METADE dos barracões azuis, uma faixa de concreto no chão demarca a fronteira dos estados
Esta área fica em uma das duas únicas vilas autorizadas a existir dentro de toda a Zona Desmilitarizada, é também chamada de “Vila da Trégua” por ambos os países e é, desde 1991, palco de diversas negociações entre Coreia do Nortee as Nações Unidas que visam principalmente o controle da proliferação das armas nucleares pela Coreia do Norte.

Joint Security Area ou Area de Segurança Conjunta na fronteira das Coreias
Joint Security Area ou Area de Segurança Conjunta na fronteira das Coreias

Poucos incidentes aconteceram nesta área, porém já houveram pelo menos 4 mortes ocasionadas quando um turista Soviético em 1985 ultrapassou o limite fronteiriço entre a Coréia do Sul para a Coreia do Norte de forma proposital, pelo evento ninguém foi punido, mas houveram 4 vítimas.

A JSA é também o único ponto entre os dos países em que as duas forças militares podem ter contato cara  a cara dentro da área desmilitarizada, servindo como o principal ponto de negociação entre os dois países e porque não dizer, do mundo para com a Coreia do Norte.



Curiosidades

* Oficialmente, apenas um armistício foi assinado entre as duas nações, portanto elas ainda estão oficialmente em Guerra desde 1950.
* A Coréia do Norte tem diversas vilas nas fronteiras que são basicamente cidades fantasma, possuem inclusive equipes de manutenção e acendimento de luzes automáticas. 
* Recentemente a Coreia do Norte vem preocupando países como EUA e até mesmo antigos aliados como China por suas pretensões nucleares.


Fontes: 

https://en.wikipedia.org/
http://www.korea-dpr.com/
http://www.korea.net/
SHARE

About Autor

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário